Serviço de entrega de música do Cauê

No início, eu era um garoto focado.

Estudar música era tudo para mim.

Eu estudava, com afinco, todos os dias por bastante tempo.

Depois de um tempo, comecei a parar de estudar.

Parecia que a música não era a coisa mais importante que eu devia buscar.

Continuava tocando, mas sem a mesma determinação do estudo.

Uma parte de mim estava perdida, e outra estava esperando.

A que estava esperando queria libertar a alegria e a felicidade.

Mas o meu interior ficou sombrio, e esta parte se escondeu.

Passei por momentos sombrios.

E no fim do surto psicótico, me esmurrei o dia inteiro, até ser internado.

Juntando os anti-psicóticos, com o trauma do surto, tocar ficou difícil.

Eventualmente, depois de já estar mais saudável, pude reaver a minha habilidade.

Com algumas ressalvas:

Não posso tocar muito rápido,  pois se forço a minha mente, minhas mãos se contraem,

e perco habilidade.

Não posso criar ideias na minha cabeça, tenho de deixar acontecer.

E, assim, toco todos os dias, e entrego pelo WhatsApp, o post com a poesia no blog

junto com um improviso tocado no intuito de expressar a poesia.

A isto nomeei de:

Serviço de entrega de música do Cauê.

Toco, agora, no intuito de servir. De trazer algo de bom para os meus assinantes.

E, desta forma, o músico que queria a glória de ser um grande músico

foi substituído por um pianista, que não quer nada além de trazer uma gostosa e colorida experiência,

para quantos puder.

Todo iluminado dia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s